Cinco Benefícios das Plantas de Interior

Cinco Benefícios das Plantas de Interior

Adicionar plantas de interior aos espaços da casa não só embeleza o ambiente, mas também traz benefícios significativos para o corpo, mente e para o próprio lar. Estes organismos vivos interagem de forma benéfica com o nosso quotidiano, melhorando a qualidade de vida de diversas maneiras.

Respirar Melhor

Quando respiramos, o nosso corpo absorve oxigénio e liberta dióxido de carbono. Durante a fotossíntese, as plantas fazem o oposto, absorvendo dióxido de carbono e libertando oxigénio, tornando-se parceiras naturais das pessoas. Ao adicionar plantas aos espaços interiores, aumentamos os níveis de oxigénio. À noite, a fotossíntese cessa e as plantas normalmente respiram como os humanos, absorvendo oxigénio e libertando dióxido de carbono. Contudo, algumas plantas, como orquídeas, suculentas e bromélias epífitas, fazem o oposto, absorvendo dióxido de carbono e libertando oxigénio. Colocar estas plantas nos quartos ajuda a refrescar o ar durante a noite.

Libertação de Humidade

Como parte dos processos fotossintéticos e respiratórios, as plantas libertam vapor de água, aumentando a humidade do ar à sua volta. As plantas libertam cerca de 97% da água que absorvem. Colocando várias plantas juntas, podemos aumentar a humidade de uma divisão, ajudando a manter problemas respiratórios afastados. Estudos da Universidade Agrícola da Noruega documentam que o uso de plantas em espaços interiores diminui a incidência de pele seca, constipações, dores de garganta e tosse seca.

Purificação do Ar

As plantas removem toxinas do ar – até 87% dos compostos orgânicos voláteis (COVs) a cada 24 horas, segundo pesquisas da NASA. Os COVs incluem substâncias como formaldeído (presente em tapetes, vinil, fumo de cigarros e sacos de compras), benzeno e tricloroetileno (ambos encontrados em fibras sintéticas, tintas, solventes e tintas). O benzeno é comumente encontrado em altas concentrações em ambientes de estudo, onde livros e papéis impressos são abundantes.

Os edifícios modernos, com controlo climático e herméticos, aprisionam os COVs no seu interior. A pesquisa da NASA descobriu que as plantas purificam o ar aprisionado, puxando os contaminantes para o solo, onde os microrganismos da zona das raízes os convertem em alimento para a planta.

Melhorar a Saúde

Adicionar plantas aos quartos de hospital acelera a recuperação dos pacientes cirúrgicos, de acordo com investigadores da Universidade Estadual do Kansas. Comparados com pacientes em quartos sem plantas, os pacientes em quartos com plantas pedem menos medicação para a dor, têm ritmos cardíacos e pressão arterial mais baixos, sentem menos fadiga e ansiedade e têm alta mais cedo do hospital.

O Dutch Product Board for Horticulture comissionou um estudo no local de trabalho que descobriu que adicionar plantas aos ambientes de escritório diminui a fadiga, constipações, dores de cabeça, tosse, dores de garganta e sintomas semelhantes à gripe. Noutro estudo da Universidade Agrícola da Noruega, as taxas de doença caíram mais de 60% em escritórios com plantas.

Aumentar a Concentração

Um estudo no Royal College of Agriculture em Cirencester, Inglaterra, descobriu que os alunos demonstram 70% mais atenção quando são ensinados em salas contendo plantas. No mesmo estudo, a presença foi também maior para palestras dadas em salas de aula com plantas.

Quantas Plantas?

As recomendações variam conforme os objetivos. Para melhorar a saúde e reduzir a fadiga e o stress, coloque uma planta grande (vaso com diâmetro de 20 cm ou maior) a cada 12 metros quadrados. Em ambientes de escritório ou sala de aula, posicione as plantas de forma que cada pessoa tenha vegetação à vista. Para purificar o ar, utilize 15-18 plantas em vasos de 15-20 cm de diâmetro para uma casa de 167 metros quadrados. Isso equivale a uma planta grande a cada 9 metros quadrados. Resultados semelhantes podem ser alcançados com duas plantas menores (vasos de 10-12 cm).

Lembre-se de que, para o melhor sucesso com qualquer planta de interior, é necessário adequar a planta às condições de crescimento certas. Escolha plantas adaptadas a situações de pouca luz para garantir que prosperem no ambiente escolhido.

Adicionar plantas de interior aos espaços da casa oferece uma série de benefícios, desde a melhoria da qualidade do ar até ao aumento da nossa saúde e bem-estar geral. Ao escolher as plantas certas e cuidar delas adequadamente, podemos transformar os nossos lares em refúgios de saúde e tranquilidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *